Visite nossa loja virtual:

Visite nossa Loja virtual:
http://camisetasimbergais.blogspot.com/

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Sonâmbulo praticante de ioga !! ??



Lourenço é sonâmbulo,?! Sim .. só que o quando em estado de sonambulismo ele pratica ioga..
Han ?
É isso mesmo que voÇÊ acabou de ler..  Como podemos perceber na foto acima.  
 Ioga, no dicionário  é um conceito que se refere às tradicionais disciplinas fisicas e mentais originárias da Índia. 
Existe nos imbergais um fato que atrai as atenções de que presencia o fato.  Lourenço deita-se normal como todas as demais pessoas, só que um fato misterioso acontece quando ele começa a dormir.
Quando Lourenço cai no sono ele começa a se mexer e mudar de posição, se posicionando semelhante a praticantes de ioga, acredito ser sonambulismo, caso alguém tenha uma explicação melhor,, sinta-se a vontade para comentar.
E pra quem não acreditou na primeira foto ta outra pra confirmar o fato.

domingo, 24 de outubro de 2010

PROCURA-SE!

                              
            Nosso amigo Paulo é um cara de coração grande, simplicidade, ingenuidade, sinceridade... Enfim, um cara que dispensa comentários. Bem, em um belo dia Paulo foi a uma festa comigo, Marcilio e Emanuel e como ele não é muito acostumado ao nosso ritmo de farras, tomou um ‘senhor’ porre.
            Ocorre que, ao amanhecer, seus familiares deram por falta de Paulo em seu quarto, e preocupados, com medo que algo de ruim pudesse ter acontecido com ele, começaram a ligar para os seus amigos mais próximos e demais familiares, indagando-os sobre notícias dele. Depois de algumas horas e nenhuma informação sobre o paradeiro de Paulo, seu pai sai de moto procurando-o em lugares possíveis, enquanto sua sobrinha fica chorando e sua mãe e irmãos rezam um terço, apelando para proteção divina.
Depois de muita procura e nada, sem mais nem menos surge Paulo saindo dentro de casa, só de cueca e com uma ressaca enorme. Todos o abraçam, emocionados, chorando e ao mesmo tempo brigando com ele por ter causado tanta preocupação e Paulo com uma baita dor de cabeça, sem entender nada do que estava acontecendo. Após todos se acalmarem, o mistério do “sumiço” de Paulo Nailson, que só não foi maior do que o do surgimento do Universo, foi desvendado. O que aconteceu foi que ele ao chegar a sua casa, pela madrugada, sob o efeito da bebida decidiu dormir em outro cômodo da casa (um quarto nos fundos da residência, local o qual ele não tinha o costume de dormir), pois estava com gastura e provavelmente vomitaria, então para não vomitar no seu quarto que era vizinho ao dos seus pais, para que eles não o pegassem nessa situação, o coitado foi para o quarto dos fundos.
Esse foi o primeiro caso que eu ouvi falar de uma pessoa está desaparecida dentro de sua própria casa.    

Otoniel Junior

Memel e suas peripécias.


Emanuel sempre está envolto a histórias e acontecimentos cômicos por conta desse seu jeito bastante peculiar e engraçado. Assim sendo, no carnaval de 2008, primeiro ano em que o Bloco dos Imbergais foi organizado, aconteceu uma das mais hilárias situações pelas quais Memel já passou. Depois de ficar o dia inteiro bebendo, nosso protagonista da ocasião em questão foi visto por sua tia executando literalmente o que dizia a famosa música “beber, cair e levantar”. Logo, ele bebia, se jogava no chão e ficava de pé, de acordo com o ritmo.
            Vendo toda essa situação, sua tia resolve ir falar com ele, mandando ir para casa e ligou pros seus pais dizendo que não o deixasse sair mais, pois Memel estava bastante ébrio. Memel então, seguindo as recomendações da tia vai para casa e ao chegar seus pais percebem que de fato ele estava bêbado, porém não tanto quanto Corrinha (tia) havia mencionado e permitiram que ele retornasse para festa. Quando Memel ia saindo de casa, o seu cachorro “Toy”, escapa pelo portão que se encontrara aberto. Sua mãe então lhe ordena: “Só vai pra festa quando trouxer Toy de volta!”.  
            Dessa forma, Memel saiu à procura de Toy até a Praça da Varjota. Lá chegando, pega o cachorro, o põe nos braços, beija e vem conversando com ele: “Ouw Toy porque é que tu faz essas coisas hein?! Ouw meu Deus!”. Chegando a sua casa, não quis chamar seus pais, pois já havia perdido muito tempo à caça de Toy e daqui que alguém viesse abrir o portão para receber o cachorro demoraria ainda mais. Para ser mais rápido, jogou o cachorro por cima do muro e foi embora curtir o carnaval. É aí que sua mãe escuta um latido estranho e decide ir olhar o que é. Se não bastasse a tamanha delicadeza na forma de trazer o cão de volta, quando Iêda abre a porta se depara com um cachorro de rua, branco e grande (detalhe que Toy é marrom e pequeno). kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


Por Otoniel Junior

Paulo e o “bolo” no Forricó



            Tempos atrás, mais ou menos no mês de julho, mês esse que é repleto de eventos festivos nas cidades circunvizinhas a Várzea Alegre, Paulo, Dario e Emanuel decidiram ir pro Forricó. Como Paulo trabalha só poderia viajar após o seu expediente. Ele assim o fez, logo que saiu da Prefeitura, por volta das 14:00 horas, ainda sem almoço pegou uma topique e se dirigiu rumo ao Icó, acompanho de dos outros dois. Ao chegarem lá, por volta das 16:30 horas, foram direto para casa de um amigo de Zé Pimpim (pai de Dario) onde os mesmos ficariam hospedados. O dono da casa informou que era solteiro e morava só, dessa forma não fazia refeições lá, mas como os rapazes estavam vindo pra sua residência ele comprou vários condimentos, tais como: sanduiche, refrigerante, sucos, biscoitos, um BOLO... E disse que eles ficassem a vontade. Assim, após o anfitrião recepcionar nossos nobres amigos, Paulo com uma fome imensa, atacou o bolo e tirou um beeeelo de um pedaço.
            Ao ver essa cena, Memel (ruim que só bosta) para frescar com o pobre de Paulo, disse: “Paulo macho, tu é doido!? Não pode comer esse bolo não! A única coisa que o homem encomendou foi que só não comesse do bolo, o resto poderia comer”.  Paulo, surpreso com a noticia, e após der dado um dentada no bolo, engoliu o pedaço com os olhos cheios d’água e falou: “Nãaaaao maaaacho! Mentira!? E agora? Nãaaaao macho, por amor de Deus!”. O coitado, desesperado, e com pouco dinheiro (caso tivesse que comprar outro para repor) tentou dar uma solução pro “problema”, pegou o bolo e ficou apertando, tentando juntar/emendar o bolo kkkkkkkkkkkkk.
            Depois de tentar incansavelmente e sem obter nenhum resultado efetivo, Paulo sem saber o que fazer quando o dono da casa chegasse, estava quase chorando! Foi aí que para que essa história tivesse um final feliz, Memel resolveu desfazer a mentira inventada a Paulo, que aliviado, pode curtir o Forricó em paz.  


                                                                                                                     Otoniel Junior

"Pega num pega, pega num pega... Ora num pega!"


Dois imbergais com medo.
        Foi no tradicional Forro do C.S.U, festa na qual é comemorada anualmente no mês do junho alusiva a São Pedro, um desses festejos juninos da cidade. E nesse ano ocorreu o seguinte fato. Ao termino da festa estávamos de saída para casa Eu, Otoniel Jr e Marcilio, no entanto resolvi antes de ir embora utilizar o banheiro e nesse intervalo de tempo Junior e Marcilio, ja bêbados, resolverão ir embora e mim deixar na festa, ao retornar do banheiro percebi q os mesmo já tinham indo, e eu que não tinha mas o que fazer na festa fui embora  mesmo sozinho, quando cheguei em frente ao bar da Ângela avistei o dois adentrando  pela Rua Regina de Carvalho rua essa q não é muito freqüentado por pedestre, carros e etc no entanto ela seria  um atalho para casa da avó dos dois, diferente percurso comum de todos as pessoas a  Rua do Capim. Logo que percebi, recuei e peguei a mesma rua para quando eles entrassem nela eu resolveria aprontar um susto nos mesmos, ao se distanciar das casas tirei minha blusa e coloquei na cabeça, peguei um pedaço de pau q estava jogado no chão e resolvi corre em direção deles, Junior olhou para trás e ao percebe a movimentação estranha comentou:
    - Marcilio eu bebi demais ou essa pessoa q esta logo atrás de nos não esta querendo coisa boa não, Marcilio olhou assustado e disse – Junior é mesmo eu não sei o que ele está querendo, eu só sei de uma coisa eu vou é correr, pois ele já esta com um pedaço de pau na mão e vai bater em nós, Rapaz esse dois elemento corria tanto que ate eu desiste de continua com o susto...
Essa é umas das varia historia q a gente já passou por essas festas.

Autor: Paulo Feitosa.
       

terça-feira, 21 de setembro de 2010

IMBERGAIS! DO INÍCIO AO... INFINITO!

 
Muita gente se pergunta: “o que diabos quer dizer isso?!”. Mal sabem que por trás desse nome não existe apenas uma grande besteira, mas, acima de tudo uma amizade, ou melhor, uma união entre aqueles que têm o privilégio (por que não?!) de ser Imbergal. Logo, a palavra imbergal é cercada por um sentido bem mais amplo do que o seu simples significado.
Inicialmente, os Imbergais correspondiam apenas a alguns primos (Aurélio, Pedro Henrique, Felipe, Emanuel e Otoniel Jr, basicamente), tempo em que sequer se imaginava a criação desse nome, muito menos a tamanha proporção que os Imbergais atingiriam. Assim sendo, ao modo em que o nosso ciclo de amizade aumentava paulatinamente, ainda não havia surgido a nomenclatura Imbergal para caracterizar/simbolizar a nossa união. Foi aí, que em um belo final de semana de sol na cidade de Fortaleza, Aurélio e Pedro Henrique, acompanhados deste que vos relata, em meio a uma de nossas farras, bebedeiras etc. Enfim, sempre conversando o nosso vasto e inesgotável repertório de besteiras, ocorreu que (espontaneamente, vale ressaltar!) surgiu à palavra Imbergal.
Após alguns anos, os Imbergais evoluíram muito – não só em contingente de membros, pois existe imbergal até na Europa (Rajive) – permanecendo sempre o interesse de que continuaremos unidos em torno desse símbolo característico da nossa turma. Hoje, somos muitos, juntos por um só sentimento: a amizade verdadeira!
Por fim, fugindo um pouco da formalidade a qual acredito que vocês não estão habituados a ver quando se trata de Otoniel Junior, principalmente, e retornando a características corriqueiras as quais possuo, não poderia perder o espaço sem deixar de dizer uma besteira. Logo, desse modo e ressaltando que nem de longe quero lembrar, tão pouco parecer com Pedro Henrique, lá vai: “uma besteira!”
                                                                      
Otoniel Fiúza de Alencar Junior              
Membro e Fundador dos Imbergais

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Forró do CSU - Junho 2008



Várzea Junina, mais conhecida como Forró do CSU todos sabem que tem Festival de Quadrilha, comidas típicas, festas e bebidas, é claro!
Estavamos nós bem comportados (mentiraa) tirando fotos, aquele acanalhação..mesmo na hora que passavam uns policiais de fora, que não conheciam nossas putarias e foram nos revistar (famoso baculêjo). Quase todos foram revistados, menos Dario, que estava olhando as fotos na câmera e não percebeu a situação..o policial só batendo em seu ombro e ele só dizendo: pera ai, pera ai homii kkk.. Massa demais esse dia, e muitos outros que já passaos..
Lenbrando que no dia anterior eu e Dario amanhecemos o dia (5 da manhã) dormindo na calçada de Hianna, ela que nos acordou kkk.. Depois fomos pro calçadão esperar Alberto abrir o bar pra tomar umas geladas pra lavar..uheuheuheu'
Saudade desses bunecos.

P.S: Primeira festa de Renan e Vinicius (Priquitim) em Vázea Alegre.

ASS: Aryel Lobo.

domingo, 19 de setembro de 2010

Não foi o primeiro e nem o último, mas fikou marcado..

 Quem nos conhece sabe muito bem que muitas vezes acabamos bebendo mais do que deveríamos (com certeza ainda haverá muitas postagem sobre esse tema). Dario já está consagrado por inúmeros porres pelos quais já passou. Dizem q a bebida mata lentamente, quer que tem Dario num quer morrer agora mesmo. .
Essa foto acima não foi a primeira e nem o ultima das façanhas de Dario, mas pelo fato de ter sido registrada merece um certo comentário. Era carnaval (achu que 2007) e entre outras musicas  tocava a seguinte  “eu dei um giro no planeta, de carona no cometa Zig Zag Zum Fui pro Japão, encontrei uma japonesa que tentou falar comigo Eu só sabia falar arigatô Só arigatô, só arigatô, só arigatô, só arigatô Fui pros States, me amarrei numa americana que ela fez amor comigo Ela na cama me dizia "I love you" Só I love you, só I love you, só I love you, só I love you Fui pro Brasil e o clima é muito quente, fui numa praia diferente E lá eu vi todo mundo nu Todo mundo nu...” ,(pense em uma musica boa)kkk,,
Também naum sei pq coloquei essa musica ai, mas continuando.. estava dando uma voltinha básica de carnaval com Duílio, quanto damos de cara com Dario deitado e do lado dos camarotes. E não sei como apareceu uma máquina fotográfica na hora. Ainda apareceu uma doida pra da um cotoco (dedo), que ainda hoje eu naum sei quem diabo era..  Enfim essa é uma das fotos que me faz lembrar uma frase: No dia que eu parar de beber, vou tomar um porre pra comemorar!..
Só pra constar depois da foto deixamos ele dormir mais um pokim... enfim era Dario e até onde eu sei nada d+  aconteceu com ele.. . .
ASS: PePiTe MáXiMo



sábado, 18 de setembro de 2010

Fácil de entender , difícil de explicar...

Festa de Agosto, como é conhecida a festa do padroeiro São Raimundo Nonato na cidade de Várzea Alegre –CE, trata-se da 4ª maior festa do Estado Cearense.
Durante os dias de festividades, nossa cidade de enfeita de barracas,tradições religiosas - como as novenas, as Salvas e as Visitas da Estátua de São Raimundo aos bairros da cidade- e ainda as festas em clube e churrascarias. Nossa cidade, que já é alegre por natureza,torna-se mais alegre durante o mês de agosto.
E essa alegria enfeitiça todos que por Várzea Alegre passam, e os imbergais sempre marcam presença nessa festa (as vezes alguns não vão pq tão de castigo por pular nas piscinas , ou porque a correria do dia-a-dia não permite) e foi em uma festa de agosto que essa foto foi tirada.
Pode até parecer uma simples foto, mas não é , trata-se de um verdadeiro símbolo de amizade. Não uma amizade qualquer, mas sim uma que não tem dinheiro no mundo que compre e nada que separe.
Outro comentário para a foto é a beleza dos que dela fazem parte:
  1.  De longe percebe-se a “bica” de baixo dos braços de Memel, ali devia ta muito cheiroso.
  2.  Eu com o queixo fino, a ainda fazendo careta (Munganga), como se precisasse.
  3. Felipe e Aurélio fazendo pose querendo dá  uma de artista (só quem usa óculos escuro de noite), Felipe mainha não te leva no zoológico, porque ela prefere que as pessoas venham te visitar em casa, e Aurelio que aprendeu a andar com 2 meses, porque ninguém tinha coragem de pegar ele no colo.
  4. Por fim alguém com consciência , Junior sabendo do mal que sua feiúra causa a sociedade preferiu esconder-se por trás de um capacete, não adiantou muito mas pior seria sem.
++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
Temos que concordar essa foto é símbolo, e que ela fala por se só.. quem conhece sabe do que to falando...

ASS: Pepite Máximo 

"E o que vai ficar na fotografia, são os laços invisiveis que haviam." ♪

 
Quanta saudade bateu em mim agora vendo essa foto, foi tão legal esse dia, todo mundo junto, a correria pra ajeitar tudo, as bolas de assopro que deram aquele trabalhão, conversas, palhaçadas dos meninos, é tão bom tudo que a gente faz junto né? Na hora da festa, chega todo mundo lindo, pra aproveitar aquele soão joão que só a gente sabe fazer. hahaha A quadrilha mais engraçada que ja vi, o povo mais palhaço que conheço, rapaz. Alíás, eu não poderia esquecer tal dia né, dia do meu casamento, ora mais. Histórias, sorrisos e bebidas, aconteceu de tudo mesmo nesse dia, até trocada no dia do casamento eu fui, né Otoniel?! =X
A farra foi tão grande, que até a polícia apareceu pra mandar acabar, mas pra variar a festa não acabou. kkk Lembro que Tâmya foi correndo e bateu a cabeça no portão, começou a chorar dizendo que ia morrer, Bia e Memel relembrando velhos tempos kkk. Mas o melhor era a blusa de Marcos Romel e o mais engraçado da noite foi Paulo na hora do casamento, alguém lebra do surto dele? lembra Junior? kkkkkk
É tão bom cada minuto ao lado de cada um de vocês, de verdade a gente é uma família. Não esquecendo aqueles que moram longe e que nao poderam estar junto nessa festa tão linda da gente.
Eu tô morrendo de saudadees de todos, meus imbergais mais lindos do mundo, só eu sei a falta que vcs me fazem estando tao longee. De fato eu sou uma pessoa completa ao lado de vcs, feliiz demais, eu peço por favor que nao me esqueçam em momento algum, pois eu estarei sempre lembrando de cada um.

Ass: Édylla Moraes. 

Quem é Benigno ?


Imbergais sinônimo de alegria.. . então tudo que tem um pouco de humor tem um pouco de relação com essa turma,,  essa história começou em meados do ano de 2007 quando Junior e Marcilio arrumaram um DVD com varias histórias do sem meias palavras, entre estas a historia do Boi Benigno..  Tratava-se de um boi que chorava, sempre que se chamava o nome Benigno..


Então Benigno se tornou sinônimo de corno (boi) chorão...  E então muitos passaram a ser chamados de Benignos..  Não quero citar nomes, pra não magoar o coração dos chifrudos.. mas só imaginar e tentar lembrar os casais da época .. 
Vale lembrar também que existia muitas Benignas,,
  Não custa nada lembrar o vídeo,,  e os comentários estão ai pra quem quiser falar melhor sobre o assunto..    mmmmmmmoooooooooooooooommmmmmmm
Xauxau... 

Quero aproveitar para mandar um abraço para meus amigos Paulo, Memel, Duilio, Aurelio e Junior.. lembrando que naum tem nada relacionado com o texto, , (ta bom , vai. )

para quem tem interesse o link do video do boi benigno
http://www.youtube.com/watch?v=a-GN7tcsJZ0